maio 2015 - Norberto Rotter
0
View Post
PESQUISA DE MERCADO – TER OU NÃO TER

PESQUISA DE MERCADO – TER OU NÃO TER

Todas as decisões relacionadas a novos negócios contêm certo grau de incerteza. O risco mesmo calculado requer muitas medidas preventivas , afinal de contas como diz o ditado “ dinheiro não é capim” que nasce sem que sem precisar da nossa ação.

Quando se quer alcançar um objetivo , nada melhor do que conhecer ao máximo o caminho a ser percorrido seus rsicos e desafios. A pesquisa de mercado passa a ser um recurso de importância capital nesta hora.Assim, o sucesso de uma pesquisa mercadológica é uma ferramenta de orientação para as decisões. Pesquisar o mercado e as condições reais de produção da sua idéia quanto ao publico alvo, demanda potencial, a procura , a necessidade, a concorrência, a compatibilidade  do preço de venda estimado com o poder aquisitivo  do público alvo, entre outros,  são dados importantíssimos.  Muitas idéias ótimas são extintas pelo mercado por falta de pesquisa .

Embora uma pesquisa de mercado efetivada de maneira cientifica e obedecendo os requisitos técnicos padrão  não seja um investimento baixo para empresas nascentes,  vale a pena adotar esta ferramenta. Caso não seja possível contratar,  empreendedores  antenados  pesquisam usando o meio social, as redes de relacionamento profissionais, familiares, fazem ensaios, virtuais,  também  locais onde vão atuar,  coletam dados ,  tabulam as informações,  e assim conseguem adotar medidas estratégicas e tomar decisões mais seguras quanto ao  novo negócio.

Reduzir os riscos de falência, prejuízos e frustração também faz parte do Planejamento.

0
View Post
DÊ OLHO NO PLANEJAMENTO!

DÊ OLHO NO PLANEJAMENTO!

Quem não sabe para onde vai está a deriva!! Já vi grandes idéias e grandes empreendimentos sucumbirem à falta de planejamento. Nós latinos somos emocionais, imediatistas e além disto temos uma mania terrível de agir por impulso. De impulso em impulso vamos cometendo erros e acertos. E quando os acertos dão mais resultados que os erros !! (normalmente despercebidos) aí nos sentimos mais estimulados a agir por novos impulsos.

Estatísticas comprovam que a falta de planejamento pode acarretar em média perda de 30%  de faturamento bruto além de agregar desmotivação, rotatividade, retrabalho, entre outras. Portanto reúna sua equipe e planifique as metas da empresa,  a exploração dos pontos fortes , as estratégias para redução ou eliminação dos pontos fracos,como aproveitar as oportunidades, como enfrentar os desafios externos do mercado, da economia para os próximos três , seis e doze meses.  Mas não esqueça também de estabelecer métodos que  “garantam a qualidade”; ou a verificação sistemática do plano traçado,  seus resultados, desvios e correções.

Agindo assim estará mapeando os passos a serem seguidos no gerenciamento da rotina diária e o crescimento organizado da sua empresa.

Vivemos momentos de desafio,  e sairão vencedores aqueles que tiverem  visão fazendo  do planejamento permanente, uma ferramenta poderosa.

Pense nisto e sucesso sempre!